3 de set. de 2009

Anabela Evangelista

Os mosquitos, assim como nós, seres vivos, nasceram para morrer. A única diferença é quem dá a palmada.
Autores: Anabela Evangelista

Examinai tudo. Retende o bem. 1 Tessalonicenses - 5, 21